Acreditando no potencial de Panorama empresárias investem em formas para agradar turistas

26091502

Entendendo ser Panorama uma cidade com grande potencial turístico, quando para cá chegam visitantes de várias partes do país, duas empresárias, acreditando neste segmento, investiram no setor de presentes de viagens levados como recordações.
O comercio de souvenir no Brasil vem crescendo gradativamente, razão pela qual, Gisele Moraes e Cristina de Pádua, entendem que Panorama por ser um ponto turístico, também tem que se abrir para oferecer opções aos que aqui chegam.
Embora tenham afinidades com o artesanato, muitas peças são trazidas cruas e elas mesmo providenciam o acabamento de todas elas. Outra peças podem ser como opções diferenciadas das demais.
O local escolhido para a exposição de suas peças, está em ponto estratégico, uma vez que a opção foi a proximidade da rotatória principal da cidade no final da Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros. Quem faz opção pela entrada ou saída da cidade por aquele rotatória tem uma visão ampla de todos os produtos expostos e todos eles, com carater decorativos.
Segundo assegurou Gisele, o movimento está normal, quando muitos turistas realmente levam algo de lembrança de sua viagem. Não obstante qualquer pessoa, mesmo panoramenses também tem adquirido peças.
Na exposição ao ar livre, a mostra tem preferencia por peças representativas da fauna ribeirinha, podendo se observar por animais e aves cujo habitat esteja mais afinado com o pantanal e região de grande rios, como no caso de Panorama.


You can Deixar uma resposta, ou deixar um trackback de seu próprio site.